Rugas e linhas de expressão: 10 hábitos que favorecem o aparecimento

O surgimento das rugas e linhas de expressão é algo natural, que acontece com o tempo, mais cedo ou mais tarde. Um dos principais fatores que influenciam diretamente o envelhecimento é a genética, afetando a qualidade, velocidade de regeneração e resistência ao sol. Além disso, também define a rapidez com a qual o colágeno e a elastina são quebrados e deixam de ser produzidos. 

Porém, além dos fatores anteriormente citados, alguns hábitos também contribuem para a ocorrência desses sinais. Confira quais são esses fatores e oriente seus pacientes.

1 – Ausência de protetor solar

Se expor a luz solar sem o uso de fotoprotetor é um dos principais fatores de aceleração do envelhecimento e agride a epiderme. “Isso porque a radiação solar leva a um dano cumulativo, promovendo a formação de radicais livres, deteriorando as fibras de colágeno e elastina e gerando danos ao DNA, o que favorece as rugas, flacidez, manchas e até câncer”, diz Isabel Piatti, Consultora Executiva em Estética e Inovação Cosmética.

Há pessoas que sofrem mais com esse tipo de danos do que outras, por possuírem uma variante do gene MMP1, que promove a degradação do colágeno oito vezes mais do que o normal após a exposição solar. 

2 – Esfregar os olhos

O hábito de esfregar os olhos ou exagerar na força na hora de remover a maquiagem da região é realmente prejudicial para o tecido cutâneo, já que a ação pode causar danos à pele delicada dos olhos, favorecendo as rugas, flacidez e olheiras, segundo a dermatologista Dra. Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

3 – Dormir de barriga para baixo

Dormir com o rosto virado totalmente para o travesseiro ou sempre do mesmo lado pode formar rugas estáticas por causa da pressão e do atrito causados pelo contato. Dessa forma, acabamos envelhecendo assimetricamente, com demarcações mais profundas em um lado. É possível prevenir por meio de alguns cuidados simples, como sempre dormir de barriga para cima.

“Mas, para aqueles que não possuem o costume de dormir nessa posição e tem dificuldade em mudar a forma como dormem é interessante, por exemplo, trocar fronhas de algodão por fronhas de cetim ou seda. Enquanto o algodão promove maior atrito, o que facilita a formação de linhas de expressão, o cetim e a seda permitem que o rosto deslize sem tração, diminuindo o atrito”, destaca a cirurgiã plástica Dra. Beatriz Lassance, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e da Isaps (International Society of Aesthetic Plastic Surgery).

4 – Consumir muito açúcar

Consumir muito açúcar, em qualquer forma, acelera o envelhecimento já que a substância está diretamente ligada à formação de rugas e linhas de expressão. “O açúcar causa um processo conhecido como glicação, no qual a molécula de açúcar se liga às fibras de colágeno e elastina, endurecendo-as. Como resultado, surgem flacidez e os sinais do envelhecimento”, explica a farmacêutica Mika Yamaguchi.

5 – Dormir pouco

A falta de sono também colabora com a aparição das rugas ou no aprofundamento das marcas de expressão. “Isso porque o sono é um momento de restauração para vários órgãos do corpo. Logo, quando não dormimos direito não permitimos que as células sejam renovadas e os radicais livres eliminados. Isso tudo prejudica o aspecto da pele”, afirma o Dr. Mário Farinazzo, cirurgião plástico membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

6 – Não usar óculos de grau ou de sol

Usar óculos é muito mais saudável para a pele do que a mania de franzir os olhos na hora de tentar ler algo. Esse mau hábito, além de dificultar a leitura, também favorece o surgimento de linhas de expressão. “Isso porque as rugas que se formam na testa e ao redor dos olhos quando há a contração dos músculos da face para enxergar algo e, com o tempo, tornam-se permanentes”, explica a Dra. Claudia Marçal, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. 

“Da mesma forma que com os óculos de grau, quando não utilizamos os óculos de sol a tendência é mantermos os músculos tensionados para deixar os olhos semicerrados e protegê-los da radiação solar, o que, em longo prazo, faz com que as linhas de expressão nessa área tornem-se mais evidentes”, acrescenta a médica. Oriente seus clientes a também procurarem um oftalmologista.

7 – Realizar movimentos repetitivos com a boca

O “bico” do ato de fumar, tomar água diretamente da garrafa ou usar um canudo para ingestão de líquidos podem formar marcas na região. “Inicialmente, esse hábito gera pequenas demarcações momentâneas na região perioral devido a movimentação da musculatura. Porém, com o passar do tempo, essas contrações musculares, combinadas ao envelhecimento cutâneo natural, marcam a pele definitivamente e fazem com que essas linhas, que apareciam apenas com a realização do movimento, tornem-se estáticas, ficando evidentes mesmo com os lábios em repouso e marcando precocemente essa região com sinais do envelhecimento”, explica o Dr. Mário Farinazzo.

8 – Ingerir bebidas alcoólicas em excesso

“O consumo de bebidas alcoólicas favorece um processo inflamatório na pele que, a longo prazo, pode causar envelhecimento precoce, com a manifestação de rugas, flacidez e linhas de expressão”, diz Dra. Paola. E, quanto mais elevado o teor alcoólico da bebida, mais intenso o dano causado e mais difícil a recuperação.

9 – Olhar constantemente o celular

O movimento constante de olhar para baixo para checar o celular pode favorecer o aparecimento de rugas na região do pescoço. “Isso porque a pele do pescoço é muito fina e praticamente sem glândulas sebáceas, além de sofrer constantemente com a movimentação natural da região. Dessa forma, as pequenas linhas que nascem quando inclinamos a cabeça para baixo a fim de olhar o celular, tablet ou outro dispositivo, com o passar do tempo, vão se acentuando e adquirem o status de rugas e sulcos bastante marcados, como se fossem verdadeiros colares cervicais horizontais”, afirma Dra. Claudia.

10 – Fumar

O tabagismo é um dos principais fatores envolvidos no envelhecimento, pois a nicotina e o alcatrão entopem os capilares mais finos e prejudicam a microcirculação de todo o organismo. “Isso leva a uma diminuição da irrigação da pele com consequente redução da oxigenação, hidratação e nutrição, o que, além de acelerar o processo de envelhecimento e o aparecimento de rugas, também a deixa com aspecto mais opaco, sem viço e acinzentado”, explica Mika.

Converse com seus pacientes sobre a importância de cultivar bons hábitos e cuidar da pele diariamente. E, para oferecer os melhores tratamentos em seu consultório, conte com a Ensofill!

Crédito da imagem: PeopleImages

5 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *